• Redação Circular

A fotografia cênica nos anos 80 e 90

A vivência do fotógrafo e educador Miguel Chikaoka nos deslocamentos de olhar para a cena teatral está na exposição virtual O Teatro Paraense 80/90: Fotografias de Miguel Chikaoka, da Kamara Kó Galeria.


A exposição integra a programação digital da 35ª edição do projeto Circular Campina Cidade-Velha no domingo dia 13, pelo Facebook e Instagram. A mini mostra de fotografias estará disponível a partir das 13h.




“Meu contato com o teatro foi tão forte, e coincide com esse momento em Belém. Constitui-se uma família, uma sintonia, e trago essa vivência para a fotografia"

A paixão de Chikaoka pelo teatro vem da infância, ainda bem pequeno, atento observador dos movimentos em casa, sua família. “Via como uma cena, uma ação de teatro”, conta ele. Depois vivenciou fotografar movimentos locais de teatro na França, ao final da década de 70, que fluiu durante os anos 80 e 90 em Belém, com a efervescência cultural da cidade. “Meu contato com o teatro foi tão forte, e coincide com esse momento em Belém. Constitui-se uma família, uma sintonia, e trago essa vivência para a fotografia”, fala Miguel.

Trupes de atores movimentavam espaços públicos como o Anfiteatro da Praça da República, o Teatro Experimental Waldemar Henrique, o Teatro da Paz com suas galerias, ou mesmo o lendário Bar do Parque. A fotografia cênica documental, de arquivo foi registrada em preto e branco, nas câmeras e filmes analógicos de Miguel, em registros agora digitalizados. "Um projeto de qualidade física e documental da arquitetura cênica paraense. É valorizar a diversidade da captura desse momento histórico da cena em um cenário político divergente à expressão da linguagem”, opina a atriz e professora Wlad Lima.

A exposição traz um recorte de 50 imagens, escolhidas de um grande acervo do fotógrafo, agora digitalizado e disponível para consulta de interessados, acadêmicos, amantes de teatro e fotografia. Na versão virtual para garantir a saúde de todos, o acesso é livre para experimentar o contato com a trajetória da cena no final do século passado. São arquivos e memórias com curadoria do fotógrafo e de artistas convidados, referências do teatro no Pará: Wlad Lima, Claudio Barros, e a atriz e pesquisadora Valeria Frota Andrade.

Além da exposição virtual no site da galeria, o projeto vai realizar as oficinas Fotografia Ágil x Memória Volátil, 14 a 16 de junho, e Fotografia de Palco, 17 a 21 de junho, que foram voltadas sobretudo para alunos de escolas públicas. Chikaoka e os artistas curadores convidados participam de uma live no dia 19 de junho, às 19h, finalizando a programação.

PROGRAMAÇÃO – HORÁRIOS

8h30 – Aula Sukshma Vyayama Yoga - Tunga Vidya

9h00 às 17h00 - Visita Presencial - Espaços Abertos no bairro da Cidade Velha

- Seguindo os protocolos de saúde contra a Covid-19

Espaço Vem – Loja Autoral

Trav. Pedro Albuquerque, 300

Atelier do Zoca – Mostra “Álbum de Retratos”

Rua Dr. Rodrigues dos Santos, 181

Espaço Candeeiro – Exposição Entre Processos

Rua Cametá, 175

Bar do Rubão - Comidinhas

Trav. Gurupá, 312

9h00 – Contação de história

Coração de Barro - Cléber Cajun

Nossos cantos são cantos da casa da Ojú – Lucas Alberto -

A Missão de Seu Pequeno – Mestre Saci

10h00 – Fotoativa – Live “Processos Criativos - desafios e resultados”

Isis Petit - Ilustradora

Francy Botelho - Quadrinista

Leno Sanches. Escultor

11h00 – Vídeo 1ª Etapa - Encantarias de São Benedito (Bragança-Pa)

11h30 – 1ª Temporada de “Ô Mundica, a Novela sem fim” – Mateus Moura

12h00 – Apresentando Casa IGA

12h30 – Toró Gastronomia - Receita

13h00 – Exposição Virtual Teatro Paraense 80/90: Fotografia de Miguel Chikaoka - Kamara Kó Galeria

14h00 – Doc Projeto Iluminação (Colares-Pa) - Atelier Jupati

14h30 – Vídeos do experimento Telavista - Drika Chagas

15h30 – Documentários

A Vaca Velha – Encontro de Bois de Máscaras (São Caetano de Odivelas) – Dir. Ângela Gomes

Quando Igarapé-Açu pulava carnaval – Dir. Edson Coelho / Moeda Verde (Igarapé-Açu - Pa)

16h00 – Clipe Fashion – Comitê Arte Pela Vida - 25 Anos

16h30 – AmaZonas de Nós - Casarão do Boneco

VídeoPerfoemance

17h00 – Live Memória e Patrimônio: A Belle Époque e o Cinema Olympia em Belém do Pará - Roteiros Geo-Turístico

Participação

Profa. Dra. Maria Goretti Tavares, Geografia-UFPA

Profa. Dra. Maria Luzia Miranda Álvares, Ciência Política/UFPA

Prof. Ms. Marco Antônio Moreira Carvalho, Crítico de Cinema

18h30 – Live Circuito da Arte em Mídias Alternativas – Espaço Candeeiro

Criação e utilização de mídias alternativas na história das páginas do Cultura Pará e Holofote Virtual - Desafios e parcerias estabelecidas para a dinamização de seus

conteúdos.

Participação

Vasco Cavalcante, Poeta e Designer

Luciana Medeiros, Jornalista e Produtora Cultural

Heldilene Reale, Fotógrafo

Natan Garcia, Artista Visual

19h30 – Cançãozinha - Clipe Nazaré Pereira

20h00 – Gaiola Passageiro – Clipe Cincinato Jr.

20h30 – Realeza do Guamá – Arraial do Pavulagem

Serviço

A realização do projeto Circular Campina Cidade Velha é do Ministério do Turismo, Associação Amigos de Belém e Circular, com patrocínio do Banco da Amazônia, via Lei Rouanet. Sigam pelo @circularcampinacidadevelha, no Instagram e https://www.facebook.com/ocircular.


24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo