• Luciana Medeiros

Circular realiza edição para ficar em casa

Atualizado: 7 de jun. de 2021

Neste domingo (5) será realizada uma edição especial do projeto Circular Campina Cidade Velha, que ocupará suas redes sociais com conteúdos de artistas



Neste domingo (5) será realizada uma edição especial do projeto Circular Campina Cidade Velha, que ocupará suas redes sociais com conteúdos de artistas, artesãos, cineastas, atores e contadores de histórias, fotógrafos, músicos e arquitetos, sem esquecer as dicas de comidas saudáveis, além de links e vídeos compartilhados nos feeds do Facebook, lives e stories no Instagram. Além da programação oficial, o projeto convida a todos a usarem o @circularcampinacidadevelha e as hashtags #SerCircular + # FicarEmCasa. A programação contará com postagens de meia em meia hora, das 8h às 20h.


“Muitas vezes tem um serviço perto de você, em um bairro vizinho até, e você não conhece. As pessoas poderão conhecer espaços novos que, nesse primeiro contato digital, podem despertar interesse para uma visita futura”, ressalta Adelaide, e conclui: “Vamos mostrar o trabalho desses empreendedores e como eles ganham a renda deles. O público poderá encomendar uma obra, por exemplo”

É a primeira edição digital do Circular, projeto que há seis anos vem convidando as pessoas a circular pelo centro histórico de Belém. Neste primeiro domingo de abril, quando seria realizada a sua 30ª edição na rua, o objetivo é provocar os circulantes com uma nova forma de pertencer à cidade.


“Óbvio que estava todo mundo morrendo de saudade do Circular e queria poder ir para as ruas, encontrar as pessoas. Porém, entendemos, há algumas semanas, que seria complicado o que de fato se concretizou quando foi decretado o isolamento social, por causa do coronavírus e nós concordamos que devemos ficar em casa”, explicou a atual coordenadora do projeto, Adelaide Oliveira.

A ideia da versão digital é que as pessoas conheçam os artistas e tenham acesso às suas produções, como já ocorre nas edições realizadas a partir de abril, sempre de dois em dois meses, nos domingo também de junho, agosto, outubro e dezembro.


O calendário do projeto ainda pode ser para junho, mas isso vai depender das circunstancias e orientações da OMS. “Precisaremos ouvir as autoridades para decidirmos, mas nesse domingo a gente celebra a cidade, nessa edição excepcionalmente digital do Circular”, complementa Adelaide. Com a realização do Circular digital, o projeto segue cumprindo parte da sua missão, que é fomentar a economia da cultura, apresentando esses fazedores a um publico sempre mais amplo.


“Muitas vezes tem um serviço perto de você, em um bairro vizinho até, e você não conhece. As pessoas poderão conhecer espaços novos que, nesse primeiro contato digital, podem despertar interesse para uma visita futura”, ressalta Adelaide, e conclui: “Vamos mostrar o trabalho desses empreendedores e como eles ganham a renda deles. O público poderá encomendar uma obra, por exemplo”, conclui Adelaide.


VEJA TODA A PROGRAMAÇÃO:

DOMINGO, 5 DE ABRIL

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo